Linha de Fundo: Quando ganha um… ganham todos

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Tudo na mesma na corrida ao título, mas desta vez o Natal é verde.

Benfica e FC Porto mantém perseguição ao líder. A tática dos copos. E um golo histórico, visto da Linha da Fundo.

Vitória cinzenta

Gil Vicente FC 0 – SL Benfica 2 (Rodrigão 59′ p.b., Everton 65′)

Entrada a mandar do Benfica. Circulação de bola, passes rápidos, procura de espaços e desmarcações. Sem resultado prático. A equipa de Barcelos, com o meio-campo próximo da linha defensiva, foi conseguindo anular o poder de criatividade dos encarnados. O Benfica tinha mais posse de bola, mas revelou dificuldades em criar perigo.

Perto do intervalo, ainda num jogo sem golos, um lance em que o árbitro Nuno Almeida errou. Gilberto deu uma cotovelada a Léautey e só viu o cartão amarelo.

Numa fase mais nervosa da partida, foi a vez de Ygor Nogueira fazer falta sobre Darwin Núñez e ver o segundo amarelo, com o Gil Vicente a ficar reduzido a 10 jogadores. Mesmo assim, contrariamente ao esperado, o Benfica não tirou vantagem e tremeu.

Valeu ao Benfica Vlachodimos e a barra da baliza, que em duas ocasiões flagrantes evitaram o golo da equipa de Barcelos. Contra a maré… o Benfica conseguiu chegar à vantagem, graças a um auto-golo de Rodrigão. Mérito de Everton que aproveitou um cruzamento, inofensivo de Gilberto, e cabeceou para a baliza de Denis, mas o central gilista surge no meio do lance e desviou para a própria baliza.

O Gil Vicente continuou a arriscar e esteve perto do empate, dando mais espaço e liberdade aos jogadores do Benfica. Num desses lances Seferovic conseguiu sem pressão fazer um cruzamento para o segundo poste onde Everton apareceu com facilidade para fazer o segundo golo. Um golpe fatal para o Gil Vicente, dando a oportunidade ao Benfica de gerir e começar a pensar na Supertaça.

Everton esteve em destaque no jogo, tal como Vlachodimos. Valeu ao Benfica uma grande exibição do guarda-redes.

Foi o 9.º jogo consecutivo invicto do Benfica em 2020/21 (6V, 3E), está na melhor série da temporada. 4.º jogo desta série de 9 jogos que os encarnados não sofreram golos.

Benfica não vencia uma partida em superioridade numérica desde a vitória em Vila do Conde frente ao Rio Ave por 1-2 em Junho 2020.  Após 11 jogos no Municipal de Barcelos, as águias continuam invictas em casa do Gil Vicente (8V, 3E).

Cinco jornadas depois o Benfica volta a vencer na Liga Portuguesa com uma diferença de 2+ golos.  Primeira derrota de Ricardo Soares no Gil Vicente (1V, 2E, 1D).
 O treinador do Gil também perdeu, já esta época, por 2-0 na Luz quando treinava o Moreirense.

O saldo frente ao Benfica é negativo (2E, 3D).

Competência com Aveiro à vista

FC Porto 2 (Sérgio Oliveira 21′, Moussa Marega 39′ g.p.) – CD Nacional 0

O campeão somou a décima vitória nos últimos 11 jogos. Entrada forte, característica habitual da equipa de Sérgio Conceição e a chegada ao golo aos 20 minutos.

O central Pedrão só parou Taremi em falta, depois de uma jogada onde se destaca o bom entendimento entre Corona e Otávio. Sérgio Oliveira converteu a grande penalidade.
A vantagem permitiu ao Futebol Clube do Porto baixar o ritmo, ficando à espera de mais um momento para chegar ao golo. Perto do intervalo, Taremi outra vez em destaque.

O iraniano aproveitou a má abordagem de Alhassan e assistiu Marega. Golo com um toque de classe do maliano solto na área, a ampliar e a sossegar completamente a equipa portista, que pela frente teve sempre um adversário a assumir riscos, gostando de ter bola como filosofia, mas não conseguindo no Dragão incomodar Marchesín.

A equipa de Luis Freire mostrou coragem, faltando mais acerto defensivo. Noite tranquila para os portistas, num jogo sem brilho, por vezes aborrecido. Teria sido perfeito para Sérgio Conceição resolver a questão Nacional e pensar no Benfica, mas na segunda parte soaram por duas vezes os alarmes. Otávio e Corona saíram lesionados… e o jogo da Supertaça, em Aveiro, é já esta quarta-feira.

Foi a 7.ª vitória consecutiva do FC Porto frente ao Nacional, a 4.ª vitória consecutiva do FC Porto na Liga.

Um feliz final

Sporting CP 1 (Andraž Šporar 90′) – SC Farense 0

O Farense trazia a estratégia bem estudada. Apresentou-se com um futebol sem perdas de tempo e antijogo, com a equipa de Sérgio Vieira a conseguir anular as principais armas dos leões. E bem.

Apresentaram uma estratégia defensiva que dificultou o jogo da equipa leonina, que mostrou pouca intensidade e criatividade, revelando dificuldades no ataque, por muito pouco o líder esteve perto de desperdiçar pontos.

Tudo ficou decidido já perto do final do jogo, num lance muito delicado de ajuizar.

Defendi atinge Feddal na cara ao sair dos postes. Fica evidente que o guarda-redes brasileiro foi imprudente colocando-se em risco. Mas o jogador do Farense toca primeiro toca na bola e está no limite entre a pequena área e a grande área.

O árbitro André Narciso considerou motivo para grande penalidade, depois de ter consultado o VAR. Chamado a converter, Šporar deu os três pontos à equipa de Alvalade da marca dos 11 metros, já para lá dos 90 minutos.

https://twitter.com/SPORTTVPortugal/status/1340425299016749058

Sem ter sido brilhante, num jogo em que as coisas não correram bem, tal como reconheceu Rúben Amorim, o Sporting teve o mérito de ter conseguido encontrar maneira de sair da teia bem montada pelos algarvios.

Uma noite leonina pouco inspirada e sem a habitual intensidade.

O Sporting vai passar o Natal na liderança isolada da Liga. Não acontecia desde 2001/2002, época do último título conquistado pelos leões.

O Sporting mantém a invencibilidade e a liderança da Liga, após a 10.ª jornada.
Pela 1.ª vez neste campeonato, o Sporting não marcou, pelo menos, 2 golos num jogo, mas continua a marcar em todos os jogos esta época.

O Farense continua sem ganhar fora esta temporada.

[sc name=”CR” ]

Momentos da Semana

Copos para uma despedida

No decorrer da segunda parte do Internacional – Palmeiras, Abel Ferreira, via a sua equipa a perder por 1-0 e à procura do golo do empate. A partir do banco, foi possível ver o treinador português com seis copos a desenhar uma possível variante tática da equipa, em pleno relvado. Um momento curioso, mas sem efeitos práticos.

O Palmeiras, clube treinado pelo português Abel Ferreira, perdeu na noite de sábado com o Internacional, em Porto Alegre, em jogo da 26.ª jornada do Brasileirão, por 2-0. Depois de uma série de sete jogos sem qualquer derrota com cinco vitórias e dois empates entre o campeonato brasileiro e a Libertadores, o Palmeiras voltou a perder oito partidas depois.

O último desaire tinha acontecido a 22 de novembro, frente ao Goiás. O jogo ficou ainda marcado pela despedida do italo-argentino de 39 anos D’Alessandro, da equipa do Internacional, após 12 anos de ligação ao clube, através de um empréstimo ao River Plate.

Para a história em pouco tempo

Apito inicial. Decorridos 6,2 segundos… e golo!!!

Rafael Leão marcou o golo mais rápido da história da Serie A. O avançado do AC Milan marcou na vitória em casa do Sassuolo (1-2), batendo um registo um registo com quase duas décadas: o anterior golo mais rápido havia sido apontado por Paolo Poggi, que em dezembro de 2001 marcou pelo Piacenza aos 8 segundos de jogo.

O golo de Rafael Leão é também o mais rápido de sempre nas grandes ligas europeias.

O internacional Sub-21 de 21 anos que chegou ao Milan na última temporada, recebeu um passae ainda fora da área, avançou numa diagonal, deu um pequeno toque na bola e rematou de pé direito. Um golo histórico.

https://twitter.com/SPORTTVPortugal/status/1340663477015367680?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Eembeddedtimeline%7Ctwterm%5Elist%3Atvi24ultimas%3Ajornalistas_media_capital&ref_url=https%3A%2F%2Fmaisfutebol.iol.pt%2F

Números da Semana

  • 1. Robert Lewandowski é o melhor jogador do mundo pela primeira vez. O internacional polaco foi distinguido na gala The Best, organizada pela FIFA, sucedendo a Lionel Messi. Lewandowski recolheu 52 pontos, contra os 35 de Cristiano Ronaldo, segundo, e os 32 de Messi, terceiro classificado.
    Os prémios The Best FIFA são atribuídos em exclusivo desde 2016 pelo organismo que tutela o futebol mundial, com a atual designação.
  • 24. Klopp e Flick empataram na votação para Melhor Treinador. Os dois alemães acabaram com 24 pontos, tendo por base as regras que dividem as quatro categorias de votantes, ou seja, treinadores, capitães, imprensa e adeptos.Jurgen Klopp foi eleito o Melhor Treinador pelo segundo ano consecutivo, mas a verdade é que no final da votação o treinador do Liverpool, que em 2020 venceu a Premier League, tinha tantos votos como Hans-Dieter Flick, técnico do Bayern. Venceu o treinador com maior votação dos selecionadores – 686 votos para Klopp. Flick foi o mais votado entre a imprensa e adeptos, sendo segundo nas escolhas de treinadores e capitães. O treinador do Liverpool recebeu a pontuação máxima nos selecionadores e capitães e foi segundo na imprensa e adeptos. Klopp venceu pelo segundo ano consecutivo.
  • 11. Lev Yashine; Maldini, Cafu, Beckenbauer; Lothar Matthaus, Xavi, Maradona; Pelé, Messi, Ronaldo e Cristiano Ronaldo. Este é, segundo a revista “France Football”, o melhor 11 da história do futebol.
    O internacional português, foi eleito o melhor extremo esquerdo da história do futebol mundial, numa votação onde participaram 140 jornalistas.
  • 59. Com os dois golos ao Parma, na noite de sábado passado, Cristiano Ronaldo tornou-se o primeiro em 59 anos a marcar 33 golos pela Juventus no campeonato italiano, igualando uma marca registada pela última vez por Omar Sivori, em 1961.
    Na liderança, agora estão só os 36 golos de Gunnar Nordahl e os 41 de Felice Borel. É uma questão de tempo…
  • 362. Um inquérito conduzido pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) junto das sociedades desportivas aponta para um impacto negativo da pandemia da covid-19 que pode atingir os 362 milhões de euros.
  • 643. Messi igualou Pelé em golos oficiais pelo mesmo clube. O argentino do Barcelona marcou contra o Valência, para a Liga espanhola, e chega aos 643 golos do “Rei” em jogos oficiais no Santos. São os jogadores da história do futebol com mais golos oficiais por um clube. “Parabéns pelo seu recorde histórico, Lionel. Mas, acima de tudo, parabéns pela sua linda carreira no FC Barcelona. Histórias como a nossa, de amor ao mesmo clube por tanto tempo, infelizmente, serão cada vez mais raras no futebol. Eu te admiro muito”, escreveu Pelé, na rede social Instagram.

https://twitter.com/mundodabola/status/1340348934271758338

  • 200. Sérgio Conceição atingiu a vitória 200 na carreira. O treinador de 46 anos contabiliza atualmente 200 triunfos, 134 dos quais ao serviço dos azuis e brancos.
    As 66 que tinha até chegar ao Futebol Clube do Porto foram distribuídas por Olhanense (10), Académica (12), Braga (23), V. Guimarães (8) e Nantes (13), respetivamente. O Beira-Mar foi a primeira vítima de Conceição, corria a época de 2011/12.
  • 90. A partida que assegurou a passagem do FC Porto à final four da Taça da Liga, na receção ao Paços de Ferreira garantiu ainda um recorde a Sérgio Conceição: o de técnico com mais jogos no Estádio do Dragão. Foi o 90.º jogo de Sérgio Conceição no banco portista, no Estádio do Dragão, superando assim o registo de Jesualdo Ferreira. Saldo de Sérgio Conceição: 75 vitórias, seis empates e nove derrotas.
  • 50. Sempre a marcar. Com a vitória frente ao Nacional (0-2), o Futebol Clube do Porto chegou ao jogo 50 no Estádio do Dragão sempre a marcar golos.
  • 21. Fábio Paim mudou-se para a Moldávia e assinou pelo Zimbru. É o 21.º clube na carreira. Formado no Sporting, passou por Olivais e Moscavide, Trofense, Paços de Ferreira, Chelsea e Real, prosseguiu a carreira em Angola (jogou no 1.º de Agosto e no Benfica de Luanda), pelo Qatar (Al Kharaitiyat), China (Shenzhen FC), Malta (Mosta FC), Lituânia (Nevezis), Luxemburgo (Union 05), Sintra Football, Leixões B e recentemente esteve ao serviço do LZS Starowice.
  • 22. O presidente do Sporting entregou ao presidente da Federação Portuguesa de Futebol um parecer independente que vai ao encontro dos argumentos do emblema leonino, que alega há vários anos ter no palmarés 22 títulos de campeão nacional em vez dos 18 que lhe são oficialmente reconhecidos.
  • 7. Arrancada fulgurante de 70 metros. Em 7 segundos, 7 adversários pelo caminho, no dia 7 de dezembro de 2019… e golo!!! Son Heung-Min, extremo sul-coreano do Tottenham, foi o vencedor do Prémio Puskas 2020, que distingue o melhor golo. Uma jogada à Maradona frente ao Burnley, no triunfo por 5-0 a contar para a 16.ª jornada da Premier League passada.
  • 7. Crystal Palace 0 – Liverpool 7. Ao golear na visita ao Crystal Palace, na 14.ª jornada, os “reds” alcançaram a maior vitória fora de casa de sempre na Premier League. Demolidor!.
  • 1.30.18 Ana Cabecinha garantiu marca de qualificação nos 20 quilómetros marcha para os Jogos Olímpicos Tóquio 2020, ao sagrar-se campeã nacional pela sétima vez, em Olhão. A marchadora do Clube Oriental do Pechão cumpriu a prova no tempo oficioso de 1.30.18 horas, quando os mínimos eram de 1.31, pelo que estará pela quarta vez nos Jogos, adiados para 2021 devido à pandemia da covid-19.Ana Cabecinha, de 36 anos, foi oitava colocada em Pequim 2008, nona em Londres 2012 e sexta no Rio 2016.

Frases da Semana

É um sentimento incrível, imensas emoções. Foi um ano importante para mim e para a minha equipa (Bayern Munique). Agradeço este prémio aos meus companheiros e ao meu treinador (Hansi Flick). Competir com Messi e Cristiano Ronaldo neste prémio é incrível. Para mim, é uma honra estar a lutar com estes dois jogadores.Robert Lewandowski, vencedor do prémio The Best 2020, atribuído pela FIFA

Estou muito satisfeito com a equipa, muito satisfeito com os jogadores. Estamos bem posicionados no campeonato, seguimos em frente na Taça de Portugal, fizemos um percurso brilhante na Liga Europa e vamos à final-four da Taça da Liga. Melhor só na feira de Espinho.Carlos Carvalhal, treinador do Sporting de Braga.

Nenhum jogador tem luz verde para sair em janeiro.” Jorge Jesus, treinador do Benfica.

Isto é algo que só acontece em Itália. Disse ao árbitro que antes do cartão vermelho estava a elogiar o Insigne pela forma como se estava a comportar como capitão… depois minutos expulsa-o. Não podes expulsar um jogador, especialmente o capitão, por dizer ao árbitro para se ir ***** após um penálti duvidoso. Em Inglaterra ou Escócia os jogadores fazem-no a todo o tempo e nada acontece. Só em Itália é que és expulso por dizer ao árbitro ‘vai-te f…’. Quando eu era jogador, o árbitro mostrava mais bom senso e entendia que, depois de um penálti duvidoso, o jogador pode dizê-lo e o árbitro deve fazer de conta que não ouviu. Não podes deixar uma equipa com dez elementos por causa disto. Ele nem o disse de forma agressiva…Gennaro Gattuso, treinador do Nápoles.

Continua assim, eu apanho-te. Se tiver uma oportunidade para te apanhar, continua assim, tudo bem.André Villas-Boas, treinador do Marselha. Depois de o Marselha ter perdido no recinto do Rennes, irritado com a derrota, o técnico português deu a habitual conferência de imprensa e prosseguiu a conversa já depois de se ter levantado. Os microfones que haviam sido utilizados na conferência de imprensa ainda estavam ligados e captaram as palavras esta ameaça. Villas-Boas já pediu desculpas pelo sucedido.

Vai ser muito diferente porque ao longo da minha carreira os campeonatos sempre pararam nesta época do ano. Aqui não vai ser assim. Para mim vai ser um dia normal, como todos os outros, porque vamos jogar dois dias depois e não vou poder comer como antes. Não vou poder ir para a cama depois das 23 horas e sempre esperei pelo Pai Natal, desta vez não vou conseguir. Nas outras noites de Natal, eu ia para a cama às duas ou três da manhã.Daniel Podence, jogador do Wolverhampton, sobre o primeiro Natal em Inglaterra. Contratado em janeiro, o antigo jogador do Sporting, de 24 anos deixou o Olympiacos e assinou pelos Wolves por quatro épocas e meia.

Não é fácil trabalhar com o Miguel Oliveira porque ele é um campeão.” Pit Beirer, diretor-geral da KTM.

[sc name=”assina” by=”Teófilo Fernando, ZAP” ]
PARTILHAR

RESPONDER

Um medicamento comum utilizado para tratar a diarreia pode ajudar a combater células cancerígenas agressivas

- Um fármaco comum prescrito para tratar a diarreia pode ajudar a combater um tipo agressivo de cancro cerebral (glioblastoma), sugere uma nova investigação levada a cabo pela Universidade de Frankfurt, na Alemanha. Em causa está a …

Trovants, as estranhas "pedras vivas" da Roménia que intrigam moradores (e fascinam cientistas)

Costesti, uma pequena cidade na Roménia, é o lar de estranhas manifestações geológicas que intrigam os habitantes locais com a sua aparência orgânica. Estas "pedras vivas" inspiram mitos sobre a capacidade de crescerem e moverem-se …

Cientistas descobrem (acidentalmente) nova espécie de cobra que estava escondida, porém à vista de todos

Jeff Weinell, investigador no Instituto de Biodiversidade da Universidade de Kansas, descobriu que três espécies de cobras preservadas na coleção de biodiversidade, encontradas em missões entre 2006 e 2012, e ignoradas até agora, pertenciam a …

Cientistas criam mini robô que navega pelo sistema vascular cerebral

Uma equipa de cientistas da Escola Politécnica Federal de Lausanne (EPFL), na Suíça, aproveitou a energia hidrocinética, a energia mecânica resultante do movimento de líquidos, para chegar a lugares do corpo humano sem recorrer a …

Cientistas podem ter detetado pela primeira vez o nascimento de um magnetar devido a uma colisão colossal

Há muito tempo, no Universo distante, uma enorme explosão de raios-gama libertou mais energia em meio segundo do que o Sol irá produzir durante a sua vida inteira de 10 mil milhões de anos. Depois de …

Flor com mais de 100 milhões de anos foi preservada até agora por âmbar birmanês

Um grupo de investigadores da Oregon State University identificou um novo género de uma flor do período médio do Cretáceo. Esta foi encontrada congelada no tempo por âmbar birmanês. George Poinar Jr., professor da Faculdade de …

Novo tratamento pode travar sintomas da covid-19

No Reino Unido, uma equipa de cientistas acabou de recrutar os primeiros participantes de um novo estudo de anticorpos de longa ação. Se o tratamento for eficaz, pode dar àqueles que já foram expostos ao …

Ondulações no espaço-tempo podem fornecer pistas sobre os componentes ausentes do Universo

Quase tudo encaixa na Teoria do Universo. Alguns cientistas defendem que as ondulações subtis na estrutura do espaço-tempo podem ajudar a encontrar a peça em falta. As ondas gravitacionais são ondulações no tecido do espaço-tempo que …

O fumo dos incêndios florestais esconde uma ameaça pouco conhecida: micróbios infecciosos

Este ano foi especialmente problemático no que toca a incêndios florestais. Além das inúmeras consequências já conhecidas da inalação do fumo, há mais uma ameaça até agora pouco conhecida: pode ser uma nova rota de …

Califórnia vai ter os primeiros veículos de entrega totalmente autónomos

https://vimeo.com/498001611 Quase três anos depois de ter revelado o seu veículo de entrega autónomo, a startup Nuro teve finalmente luz verde para iniciar as operações comerciais na Califórnia. Embora seja um veículo totalmente autónomo, o R2 foi …