Agência espacial japonesa mais que quadruplica o seu orçamento anual

(dr) JAXA

Módulo japonês Kounotori 6

O orçamento anual da Agência Espacial Japonesa (JAXA) para 2021 mais que quadruplicou comparativamente com o valor alocado este ano, passando de 120 para 500 milhões de dólares.

Os valores são apresentados esta semana pelo portal de Ciência IFL Science, que dá conta que o sucesso da Haybausa2, a missão não tripulada que recolheu amostras do asteróide Ryugu e as devolveu à Terra, está entre os principais destaques de 2020 da agência.

Os cientistas, que tiveram acesso às amostras no início de dezembro, confessaram que ficaram surpreendidos com a quantidade e qualidade das amostras recolhidas.

Quando realmente abrimos [a cápsula], fiquei sem palavras. Foi mais do que esperávamos e eram tantas coisas que fiquei realmente impressionado. Não eram apenas partículas finas como pó, mas havia também muitas amostras com vários milímetros de diâmetro”, disse Hirotaka Sawada, cientista da JAXA, ao jornal britânico The Guardian.

Os cientistas esperam que as amostras recolhidas lhes permitam investigar e melhor entender a origem do Sistema Solar. A sonda Hayabusa2 prosseguiu a sua viagem após enviar as amostras, rumando a outro asteróide, batizado de 1998KY26.

Em outubro, o Japão assinou um entendimento – o Artemis Accords – juntamente com Austrália, Canadá, Itália, Japão, Luxeburgo, Emirados Árabes Unidos, Reino Unido e Estados Unidos para o regresso do Homem à Lua como parte do Programa Artemis da agência espacial norte-americana (NASA).

Espera-se que a agência espacial japonesa desempenhe um papel importante no programa, especialmente numa das missões tripuladas. Contudo, para já, só foi anunciado o envolvimento de uma equipa norte-americana.

Recorrendo à rede social Twitter, o administrador da NASA, Jim Bridenstine, saudou o forte reforço no orçamento da JAXA, frisando a colaboração contínua entre as duas agências.

[sc name=”assina” by=”Sara Silva Alves, ZAP” ]
PARTILHAR

RESPONDER

Um medicamento comum utilizado para tratar a diarreia pode ajudar a combater células cancerígenas agressivas

- Um fármaco comum prescrito para tratar a diarreia pode ajudar a combater um tipo agressivo de cancro cerebral (glioblastoma), sugere uma nova investigação levada a cabo pela Universidade de Frankfurt, na Alemanha. Em causa está a …

Trovants, as estranhas "pedras vivas" da Roménia que intrigam moradores (e fascinam cientistas)

Costesti, uma pequena cidade na Roménia, é o lar de estranhas manifestações geológicas que intrigam os habitantes locais com a sua aparência orgânica. Estas "pedras vivas" inspiram mitos sobre a capacidade de crescerem e moverem-se …

Cientistas descobrem (acidentalmente) nova espécie de cobra que estava escondida, porém à vista de todos

Jeff Weinell, investigador no Instituto de Biodiversidade da Universidade de Kansas, descobriu que três espécies de cobras preservadas na coleção de biodiversidade, encontradas em missões entre 2006 e 2012, e ignoradas até agora, pertenciam a …

Cientistas criam mini robô que navega pelo sistema vascular cerebral

Uma equipa de cientistas da Escola Politécnica Federal de Lausanne (EPFL), na Suíça, aproveitou a energia hidrocinética, a energia mecânica resultante do movimento de líquidos, para chegar a lugares do corpo humano sem recorrer a …

Cientistas podem ter detetado pela primeira vez o nascimento de um magnetar devido a uma colisão colossal

Há muito tempo, no Universo distante, uma enorme explosão de raios-gama libertou mais energia em meio segundo do que o Sol irá produzir durante a sua vida inteira de 10 mil milhões de anos. Depois de …

Flor com mais de 100 milhões de anos foi preservada até agora por âmbar birmanês

Um grupo de investigadores da Oregon State University identificou um novo género de uma flor do período médio do Cretáceo. Esta foi encontrada congelada no tempo por âmbar birmanês. George Poinar Jr., professor da Faculdade de …

Novo tratamento pode travar sintomas da covid-19

No Reino Unido, uma equipa de cientistas acabou de recrutar os primeiros participantes de um novo estudo de anticorpos de longa ação. Se o tratamento for eficaz, pode dar àqueles que já foram expostos ao …

Ondulações no espaço-tempo podem fornecer pistas sobre os componentes ausentes do Universo

Quase tudo encaixa na Teoria do Universo. Alguns cientistas defendem que as ondulações subtis na estrutura do espaço-tempo podem ajudar a encontrar a peça em falta. As ondas gravitacionais são ondulações no tecido do espaço-tempo que …

O fumo dos incêndios florestais esconde uma ameaça pouco conhecida: micróbios infecciosos

Este ano foi especialmente problemático no que toca a incêndios florestais. Além das inúmeras consequências já conhecidas da inalação do fumo, há mais uma ameaça até agora pouco conhecida: pode ser uma nova rota de …

Califórnia vai ter os primeiros veículos de entrega totalmente autónomos

https://vimeo.com/498001611 Quase três anos depois de ter revelado o seu veículo de entrega autónomo, a startup Nuro teve finalmente luz verde para iniciar as operações comerciais na Califórnia. Embora seja um veículo totalmente autónomo, o R2 foi …